ROTEIRO DE CÉLULA Nº 28

Nº 28 – 2022 – 31/07 a 06/07
Publicado em 01/08/2022

AVISOS

  • O curso Casamentos que Prevalecem já está com as inscrições abertas. Começará no dia 09/08 presencialmente na SIB. Para se inscrever procure a nossa secretaria no (41)998354994. Invista esse tempo precioso em seu casamento!
  • Conexão Empreendedores Eruditus é um curso para você que é empreendedor ou pretende ingressar no empreendedorismo. O curso começará no dia 03/08 das 19h às 22h, com inscrição no valor de R$80. Inscrições e mais informações no Instagram @erudituslivraria e no (41)998437096. Vagas limitadas. Faça já sua inscrição!
  • O Vida Vitoriosa já possui data marcada, que será entre os dias 23 e 25 de setembro. O valor será de R$300 e pode ser parcelado. Para sua inscrição, procure a Bety Costa ou a secretaria da SIB no (41)99835-4994. Não perca, será um momento transformador para você!
  • O encontro Mulheres Fortes em Tempos Difíceis acontecerá no dia 27/08 às 15h, com valor de R$25 para um delicioso café. Se inscreva na secretaria no (41)998354994. Participe!
  • Costelão do ministério de homens dia apenas R$ 20,00. Faça sua inscrição. As vagas são limitadas.
  • Seminário de integração dia 13/08 para os que querem ser parte da membresia da SIB. Se inscreva pela secretaria da SIB.
  • Dia 06/08 haverá o Bazar da ABEC. Participe.
  • Dos dias 11 a 25 de agosto, haverá o curso de massas e pães promovido pela ABEC. Mas informações pela secretaria da SIB.

EXALTAÇÃO (Cânticos sugeridos)

- Aleluia, Hosana (Glória, majestade, força, honra e poder...)

- Águas Purificadoras (Existe um rio, Senhor...)

 

EDIFICAÇÃO

Como agir diante do Inesperado e Angustiante (Êxodo 14)

Esta é uma das mais impressionantes narrativas da Bíblia. Já foi tema de filmes e novelas. Depois de mais de 400 anos como escravos no Egito, o povo é liberto após as devastações causadas pelas 10 pragas enviadas como juízo de Deus sobre os egípcios. Faraó permite o povo ir para o deserto em busca da terra prometida. O povo sai numa marcha da alegria pela libertação, mas faraó mudou de ideia e decidiu sair em perseguição aos que estavam acampados junto ao Mar Vermelho. Depois de alcançarem o que tanto almejavam, eles foram surpreendidos. Em determinado momento, olharam para o horizonte quando começaram a ouvir um barulho estranho, a poeira levantando: o inimigo estava em direção a eles. Quantas vezes nos sentimos assim diante do inesperado e angustiante da vida: uma mãe que jamais imaginaria a ingratidão e abandono de um filho, ou um filho abandonado pela mãe, um cônjuge traído, um desemprego após tantos anos de dedicação, uma perda da noite para o dia, uma perseguição descabida e injusta. O que acontece é que os inesperados virão, e devemos saber agir diante deles. Por isso, diante do inesperado e angustiante:

 

  1. Não se deixe dominar pelo desespero e pelo medo (v. 9-10)

Quando nos desesperamos, nossas emoções ficam confusas, nos esquecemos de convicções espirituais que nunca deveríamos esquecer. Os israelitas não viam saídas: ou iriam ser alcançados pelo exército e seriam esmagados, ou se afogariam no mar. O caos começou a se estabelecer diante do inesperado. Não é fácil lidar com uma situação inesperada e angustiante. Nossa tendência é esquecermos de tudo o que o Senhor é e já fez por nós. Diante dos becos sem saída que a vida põe diante de nós, se formos dominados pelo desespero e medo, ao invés de clamar. A reclamação é só no início. Depois vem a amargura, a murmuração, a incredulidade. Se você está na primeira fase (reclamação), pare e comece a clamar. Quem clama, proclama – quem reclama, murmura. A falta de fé nos leva a sermos atraídos por aquilo que deveríamos repugnar. Sem fé, somos dominados pelo pânico e pelo medo. Isso pode nos levar a preferirmos continuar como escravos do que enxergar a possibilidade de libertação. Perdemos a noção de que fomos criados para a liberdade e não para a escravidão.

Nos momentos de medo e angústia, você tem clamado ou reclamado? O que leva alguém a ser escravo do medo?

  1. Permaneça firme. Para isto, 3 coisas não podem ser esquecidas:
  2. a) Permaneça forte na graça de Deus: Firmados na graça aprenda a vencer suas crenças negativas que moldam suas emoções e atitudes. Os pensamentos de Deus estão repletos de boas direções e bondade. Deus quer agir com Sua graça a seu favor, independente do seu desempenho. Você não consegue escapar do amor, da graça e da bondade de Deus. Diante dos inesperados angustiantes da vida, tenha uma confiança inabalável em Deus e na Sua graça.
  3. b) Permaneça firme na soberania de Deus: Ele é soberano, acredite nisso. Não adianta dizer ‘Deus tá no controle’ se você quer controlar cada detalhe da sua vida. Se Ele está no controle, não adianta se descontrolar. Se você sempre quer ter o controle, então você não crê, apenas verbaliza. Naquela perseguição, Deus tinha o controle e sabia o que ia fazer. Ele já sabia que ia abrir o mar e que seria uma das mais espetaculares manifestações do poder Deus até hoje. Creia na soberania de Deus para não ser dominado pela síndrome da ‘minoria esmagada’.
  4. c) Confie no amor de Deus: Ele sempre estará conosco e nos dará forças para prosseguir. Não se rendam aos apelos do inimigo, não voltem à escravidão, tenham uma confiança absoluta em Deus, pois Ele luta por nós. Nos v. 13-14, mais um dos muitos ‘poréns’ da Bíblia se manifesta. Moisés revela sua plena fé, que se manifesta na confiança absoluta. Ele clama e não reclama. A melhor maneira de agir quando estamos num beco sem saída é manter nossa confiança firme de que o nosso Deus é gracioso, soberano e perfeito em amor. Ele está sempre atento as nossas orações, súplicas e necessidades.

Dentro desses três aspectos, você sente necessidade de melhorar em algum? Por quê? O que te faz confiar em alguém e como isso se aplica na vida cristã em relação a Deus?

 

  1. Aquiete-se, não perca a calma (v. 14-15)

Um dos maiores motivos de ficarmos inquietos é tentar assumir o controle por aquilo que não está em nossas mãos. Assumirmos responsabilidade sobre aquilo que não é nossa responsabilidade. Ao invés de querer controlar, siga adiante. Obedeça às ordens de Deus, mesmo que contrarie sua lógica. Cabe a Deus abrir os caminhos seguros, a nós cabe obedecer e seguir em frente. Quando Deus te orientar, aja corajosamente e siga adiante. Não nos falta orientações de Deus, o que nos falta é coragem para agir. Deus fez algo muito maior do que poderiam imaginar: abrir o mar, secar a terra e afogar os inimigos. Cuidado para, apavorado com o momento que você está vivendo, se precipitar e perder algo muito maior que Deus estaria por fazer.

O que leva você a ter inquietações? Que passos são necessários para atingir a calma?

 

ORAÇÃO

     Dediquem os momentos finais do encontro para oração. Orem para que o Espírito Santo nos auxilie a agir diante do inesperado e angustiante.

     Orem uns pelos outros e pelos seus amigos do coração. Compartilhem suas experiências com Deus, fale a respeito das bênçãos e do cuidado de Deus em suas vidas!

Compartilhe em suas redes sociais